segunda-feira, janeiro 30, 2006

Pensamentos V

Mais um sarcasmo, no estilo de alguns anteriores, e algo para pensarem de seguida.

14 - Há vida após a morte? Os mortos que se manifestem...

15 - Alguns homens escavam o seu abismo; outros tentam escapar daquele em que sempre viveram.

quinta-feira, janeiro 19, 2006

Pensamentos IV

Como o feedback tem sido positivo, aqui vão mais 3. Espero que continuem a comentar, que eu agradeço.

11 – O homem de visão sonha ser Deus, por lhe parecer claro que o posto está vago.

12 – Se Deus existe, não é um paradigma de bondade, nem de maldade, mas da mais pura indiferença.

13 – Dentro de cada pessoa existe uma colecção de máscaras. Algumas colecções são tão vastas que o coleccionador se esquece da máscara primordial. Noutras apenas se usa uma, a da vulgaridade.

domingo, janeiro 15, 2006

Pensamentos III

A Moral e Um Sarcasmo Ligeiro

9 – A obsessão pela perfeição do número sete no cristianismo chegou ao cúmulo de se designarem sete defeitos vulgares como pecados mortais. Condenar os preguiçosos e os gulosos ao Inferno só pode ter sido ideia concebida pelos invejosos e irados, outros pecadores mortais e como tal sem moral para julgar os outros.

10 – O homem só ascenderá aos céus por um meio: de avião.

PS: 9 relacionada com 5 e 10 com 3.
PS2: Não subestimem 10 por usar um aspecto demasiado moderno para se fazer entender. Para bom entendedor...
PS3: Obrigado pelos comentários e incentivo a prosseguir.

segunda-feira, janeiro 09, 2006

Pensamentos II

Mais 3 pensamentos, para reflectirem também. Um grande agradecimento a todos (e todas) os que comentaram o meu 1º post neste blog.

6 – O homem é um edifício erigido ao lado de um abismo. Se tiver uma deficiência nas suas fundações torna-se desequilibrado. Se for um desequilíbrio acentuado precipita-se.

7 – Anular as pulsões primitivas do nosso inconsciente é negar a humanidade; transformar a besta do passado na máquina do futuro.

8 – Não existem povos superiores, mas sim homens e educações superiores.

quarta-feira, janeiro 04, 2006

Pensamentos

São frases para se pensar, não são verdadeiramente a minha filosofia, apenas constituem a face mais radical dela. Mais virão...


1 – Amor e ódio podem chamar-se um ao outro caro di carne mea. Afinal não são eles gerados do mesmo ventre? Uma única estrada atravessada em sentidos diferentes?

2 – A fé é a miragem dos capazes, mas também a realidade dos tolos.

3 – Ser ou não ser?... Que se erga o primeiro que consiga a esta questão responder depois de morrer...

4 – Ignorância é felicidade, mas só para os ignorantes. Para os que sabem é um cancro.

5 – A moral não tem fundamento. Os moralistas são eles próprios imorais. O ser humano é intrinsecamente imoral. Como tal, a moral nega a humanidade.